domingo, 26 de maio de 2013

V Meditação para o Mês de Maio

Santa Teresinha e a Virgem Maria


Estava profundamente enraizada em sua vida a devoção a Maria, por isso, a amava com grande ternura.
Diz: “... A Santíssima Virgem deu-me a perceber que foi ela realmente que sorria para mim, e quem me curara. Compreendi que velava por mim, e que eu era sua filha, e por isso já não podia dar outro nome a não ser o de Mamã, que me parecia mais afetuoso do que o de Mãe...” (Ma 158).
Todo seu amor pela Virgem se acha resumido em sua composição poética entitulada ‘Porque te amo, ó Maria’.

Quisera cantar, Maria, porque te amo.
Porque, ao teu nome, exulta meu coração
E porque, ao pensar em tua glória suprema,
Minha alma não sente temor algum...

Tu me fazes sentir que não é impossível
Os teus passos seguir, Rainha dos eleitos,
Pois o trilho do céu nos tornaste visível,
Vivendo cada dia as mais simples virtudes.

(Poesia 54,1.6)


Postar um comentário