terça-feira, 6 de março de 2012

Procuro Vossa face...




“Entra na cela” da tua alma, expulsa tudo,
 exceto Deus e o que te ajuda a procurá-lo;
 “fechada a porta”, procura-o!



Senhor, procuro a vossa face, a vossa face, Senhor, desejo ardentemente. Ensinai-me, portanto, Senhor meu Deus, ao meu coração, onde e como procurar-vos, onde e como encontrar-vos. Senhor, se não estais aqui, onde vos buscarei ausente? E se estais em toda parte, porque não vos vejo presente? Certamente habitais numa luz inacessível... Quem a ela me conduzirá e nela me introduzirá, a fim de que então vos veja?...
Ensinai-me, Senhor, a procurar-vos e mostrai-vos a mim que vos procuro; porque não posso procurar-vos, se não me ensinais; nem posso encontrar-vos, se, se não vos manifestais. Ó Senhor, que eu vos procure desejando, que vos deseje procurando, que vos encontre amando, que vos ame encontrando.

Santo Anselmo

Postar um comentário