quarta-feira, 23 de setembro de 2009

3ª Dia - Novena de Santa Teresinha do Menino Jesus


Ajudar as almas

No dia 17 de março de 1887 todos os jornais noticiaram um fato que abalou a França. O povo ficou apavorado diante de um crime tão cruel: um certo Henrique Pranzini degola duas mulheres e uma menina, para assaltá-las. Poucos delitos suscitaram tanta comoção como este.
Esse fato marcou profundamente a vida de Santa Teresinha, porque despertou nela o desejo imenso de ajudar a salvar vidas.
Teresinha consegue pegar o jornal de seu pai e ler notícia desse condenado à morte. Sente imediatamente grande compaixão por ele, um desejo imenso de vê-lo salvo e tê-lo um dia como irmão, no Paraíso, bem junto de Deus. O Senhor colocou em seu coração a dedicação apostólica desde início da sua vida. Não foi feita para ser feliz sozinha, nem na terra nem no Céu. Precisa repartir com os outros a verdadeira alegria que sente de pertencer a Jesus.

“Com o fito de incitar meu zelo, o bom Deus mostrou-me que meus desejos lhe eram agradáveis. Ouvira falar de um grande facínora que acabava de ser condenado à morte por crimes horrendos. Tudo levava a crer que morreria impenitente. A todo custo, queria eu impedi-lo de cair no inferno. Para conseguir, aplicava todos os meios imagináveis. Sentindo que nada poderia por mim mesma, ofereci ao bom Deus todos os infinitos méritos de Nosso Senhor, os tesouros da Igreja. Pedi afinal a Celina que mandasse celebrar uma missa em minha intenção, não me animando a fazê-lo pessoalmente pelo receio de ser obrigada a declarar que era por Pranzini, um grande criminoso. Não queria também declará-lo à Celina, mas ela me fez perguntas tão carinhosas e insistentes, que lhe confiei meu segredo. Longe de Zombar de mim, pediu para me ajudar na conversão do meu pecador. Aceitei-o reconhecida, pois queria que todas as criaturas se unissem a mim, para implorarmos o perdão do culpado. Sentia, no fundo do coração, a certeza de que nossos desejos seriam atendidos”.

Sintamos o mesmo desejo de fazer o que Santa Teresinha fez. Oremos pela humanidade.

Peçamos e roguemos:
Por todos aqueles que, de algum modo, se sentem presos;
Por todos os encarcerados;
Por todos os que são escravizados em vícios;
Por todos os oprimidos de nosso país;
Pela opressão que gera violência, desigualdade, injustiças;
E pelas necessidades que trazemos no silêncio de nosso coração. Peçamos.

Escutai, Senhor, nosso clamor, pela intercessão de Santa Teresinha do Menino Jesus.

Oremos

Oh! Teresinha do Menino Jesus, que no curto espaço de vossa existência fostes um espelho de angelical pureza, de amor forte e do mais generoso abandono na Divina Providência, agora que estais gozando o prêmio de vossas virtudes, volvei um olhar de compaixão sobre nós que confiamos plenamente em vós. Fazei vossas nossas aflições; dizei por nós uma palavra a esta Virgem Imaculada de quem fostes à flor privilegiada a Rainha do Céu que vos sorriu na manhã da vida. Suplicai a ela, tão poderosa sobre o coração de Jesus, nos obter a graça que tanto desejamos neste momento, de acompanhá-la com uma bênção que nos alente durante a vida, nos fortifique na hora da morte, e nos conduza à bem aventurada eternidade.
Assim seja.

Rogai por nós, Santa Teresinha.
Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.
Postar um comentário