segunda-feira, 20 de abril de 2009

Frei Luciano Henrique manda crônicas da Holanda


















Estimados irmãos, irmãs e amigos do Carmelo Descalço no Brasil,


O dia 05 de abril de 2009 foi um marco para a Diocese de Den Bosch, para a Paróquia Santuário Nossa Senhora da Assunção, para a Ordem Carmelitana Descalça, para a nossa

Província. Um verdadeiro encontro eclesial e fraterno! Eis com certeza as melhores palavras para expressar esta intensa e fecunda experiência vivida por nós do Convento São José em Handel/Holanda.

Juntamente com a Solene Celebração Eucarística do Domingo de Ramos tivemos a oficialização da nossa presença nessas novas terras de missão. Presidiu a Santa Missa D. Antonius Hurkmans, Bispo titular da diocese de Den Bosch. Também marcaram presença: o nosso Padre Geral Luis Aróstegui; Frei Ad Smits (Provincial dos Carmelitas Descalços na Holanda), acompanhado pelos Freis Benedicto, Conrado, Adriano e Inácio, também Carmelitas da Província Holandesa; Frei Conrado de Meester (Provincial dos Carmelitas Descalços na Bélgica); Padre René Wilmink (pároco aterior do Santuário), religiosos e um número significativo de pessoas amigas na assembléia. Dentre as várias personalidades estavam alguns carmelitas seculares, um grupo de brasileiros e o Sr. Prefeito de Gemert-Boekel cuja Handel está inserida.



Terminada a celebração eucarística, nos dirigimos ao convento para uma recepção. Nesse momento o Sr. Prefeito fez um discurso de acolhida à nossa comunidade. Depois continuamos a festa nos confraternizando como uma só família cristã.



O que marcou nesse dia tão especial foram as disposições para o encontro, tanto da nossa parte, como da parte do nosso Prepósito Geral, dos nossos confrades holandeses, do bispo, dos religiosos, dos paroquianos e do povo de Deus em geral. No que se refere à nossa comunidade conventual, creio que estamos dispostos à nos formarmos cada vez mais para o encontro. Se se forma para o encontro, gratuito e acolhedor, afetivo e efetivo, não se precisa preocupar com outras questões de apostolado. O desejo de encontro, cultivado na oração e na intimidade com o Senhor, por quem devemos estar totalmente apaixonados, gera determinação para assumir o compromisso do testemunho e, com certeza, disposição missionária em vista da consagração absoluta e decidida a Deus e ao seu povo. E, uma vez disponíveis, poderemos empreender o grande sonho que é a revitalização carismática e o despertar de um novo tempo kairológico para a humanidade.

Estamos rezando por todos, mas também, contamos com as orações de vocês. E vivenciando agora este tempo forte da nossa liturgia em que celebramos a Ressurreição de Jesus Cristo, possa cada um de nós testemunhá-lo com alegria, reafirmando que Ele é e sempre será o Senhor da Vida e da Esperança.


Zalig Pasen !!! (Feliz Páscoa)



Com ternura, em nome da nossa comunidade, envio-lhes meu fraterno abraço…



Frei Luciano Henrique, OCD
Postar um comentário