domingo, 5 de abril de 2009

DOMINGO DE RAMOS DA PAIXÃO DO SENHOR



Abre-se a Semana Santa com a recordação da entrada trinfual de Cristo em Jerusalém, justamente no domingo anterior à Paixão. Jesus, que semprese opusera a toda manifestação pública, e que fugira quando queria o povo procalmá-lo rei, hoje se deixa conduzir em trinunfo. Só agora, nas vésperas da morte, aceita ser publicamente aclamado Messias porque, justamente morrendo na cruz, serpa, do modo mais pleno, o Messias, o Redentor, O Rei e o Vencedor. Aceita ser reconhecido Rei, mas Rei de caracteristicas inconfundíveis: humilde e manso, a entrar na cidade santa montado num jumento; proclamará sua realeza somente diante dos tribunais, e aceitará que seja posta a inscrição só na cruz.

Frei Gabriel de Santa Maria Madalena, Intimidade Divina.
Postar um comentário